G-9STVMKEQNY
top of page

Calor VS. Frio: Qual a melhor opção para tratar inflamações?

Atualizado: 8 de jul.


A escolha entre aplicar gelo ou calor em caso de lesões ou dores musculares é uma dúvida comum, mas compreender as diferenças entre esses métodos pode fazer toda a diferença na eficácia do tratamento.


O que é a inflamação?

É uma resposta do sistema imunológico a lesões, infeções ou irritações. Tem como objetivo proteger o nosso corpo removendo a causa inicial da lesão celular, limpando as células danificadas e tecidos necrosados, iniciando o processo de reparação. A inflamação pode ser aguda, durando pouco tempo (cerca de 2-3 dias) ou crónica,

persistindo por períodos mais longos ( > 3 meses).


Quais são os Sinais Clássicos de Inflamação:

  • Rubor (Vermelhidão);

  • Inchaço ou Edema;

  • Calor;

  • Dor e perda de função


GELO:

Recomendado em lesões agudas ou recentes, oferece benefícios como a redução do fluxo sanguíneo na área afetada, diminuindo a inflamação e o edema/inchaço. Serve para alívio de sintomas imediatos e como prevenção de agravamento da lesão ou inflamação. Atua também como analgésico e deve ser aplicado após exercícios ou atividades que produzem dor.


Situações mais indicadas:

1. Traumatismos

2. Entorses

3. Distensões

4. Contusões


Modo de Aplicação: Num saco de plástico com gelo ou uma bolsa de gelo, aplicar sobre a zona afetada, previamente protegida para evitar queimaduras na pele. Manter no local entre 15-20 minutos. Este processo deve ser repetido várias vezes nas primeiras 48-72 horas após lesão.


CALOR:

Preferível em lesões crónicas, lesões musculares e situações em que o aumento do fluxo sanguíneo é benéfico.


Situações mais indicadas:

1. Lesões antigas (crónicas): Após 3 meses da lesão, ajuda na circulação, mobilidade e

relaxamento muscular;

2. Músculos em tensão: eficaz para contraturas ou músculos muito solicitados no dia-a-dia;

3. Antes do exercício: para aquecer e ativar os músculos antes da atividade, diminui a

rigidez e tensão.


Modo de aplicação: tal como o gelo, deve ser protegida a área lesionada para evitar

queimaduras na pele. Pode ser aplicado com bolsas de gel térmicas, packs térmicos ou até um banho quente. Deve ter atenção para evitar sinais de queimadura ou irritação. Aplicar o calor por 15-20 minutos.


O incorreto manuseamento destes agentes físicos pode prejudicar ou atrasar na recuperação dos tecidos lesionados. Nesse sentido, em caso de dúvida, antes de iniciar algum destes métodos, contacte o seu fisioterapeuta ou médico para garantir a melhor solução para o seu caso.






7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page